IMÓVEIS EM ILHÉUS

IMÓVEIS EM ILHÉUS

JORNAL DO MEIO DIA DA GABRIELA FM

JORNAL DO MEIO DIA DA GABRIELA FM
102,9

REI DAS ESQUADRIAS

REI DAS ESQUADRIAS
AV. ITABUNA. ILHÉUS BA

RESTAURANTE MESTRE CUCA

RESTAURANTE MESTRE CUCA
AGORA COM RODIZIO

domingo, 9 de julho de 2017

Chamado de ‘burro’, técnico do Bahia fala sobre risco de demissão

Por Redação Galáticos Online
 
 
Um dos alvos da fúria vinda das arquibancadas na Fonte Nova, neste domingo (09), o técnico do Bahia, Jorginho, falou longamente sobre a possibilidade de ser demitido pelo Esquadrão. Questionado na coletiva pós-jogo sobre o risco que corre na próxima rodada, quando encara a Ponte Preta em São Paulo, o comandante tricolor citou a demissão surpreendente de Vágner Mancini na Chapecoense para avisar que não vai ficar surpreso caso seja desligado.
 
“Minha vida é sempre feita de desafios. Se Mancini foi mandado embora, tudo pode acontecer. A responsabilidade é minha, digo aos jogadores, tenho a liderança da equipe. Quando eu sair daqui a torcida vai pedir para eu ficar. O torcedor cobra mas também reconhece. Ui chamado de burro por uma substituição e o jogador que eu botei fez o gol. Estou tranqüilo porque é um bom trabalho, tive erros de arbitragens absurdos contra a gente e ainda assim a gente não está tão distante, se a gente ganhasse hoje chega a 15º. Perder o emprego pode não acontecer agora mas pode acontecer futuramente, espero que não aconteça”, declarou o comandante do Esquadrão.
 
Sobre a possibilidade de ter começado a partida com Rodrigão, reforço que entrou bem na estreia pelo Bahia, Jorginho disse que não se arrepende da decisão de ter iniciado com o novo centroavante no banco de reservas.
 
“Com mais tempo para trabalhar ele deve ser titular já para o próximo jogo. Estou muito tranqüilo em relação à s decisões que toei junto com a comissão técnica e esperamos que ele possa nos ajudar a partir de agora”, disse Jorginho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário