IMÓVEIS EM ILHÉUS

IMÓVEIS EM ILHÉUS

JORNAL DO MEIO DIA DA GABRIELA FM

JORNAL DO MEIO DIA DA GABRIELA FM
102,9

REI DAS ESQUADRIAS

REI DAS ESQUADRIAS
AV. ITABUNA. ILHÉUS BA

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Greve dos Vigilantes chega ao fim com acordo proposto pelo MPT

por Cláudia Cardozo
Greve dos Vigilantes chega ao fim com acordo proposto pelo MPT
Foto: MPT-BA
A greve dos vigilantes na Bahia foi encerrada na tarde desta quarta-feira (7) com um acordo considerado vitorioso para os trabalhadores. Os vigilantes terão um reajuste salarial de 6%. Desde o dia 24 de maio, cerca de 30 mil vigilantes no estado estavam em greve, prejudicando serviços essenciais, como o atendimento bancário em algumas agências. De acordo com o procurador do trabalho, Luís Carneiro, a mediação realizada pelo Ministério Público do Trabalho da Bahia (MPT-BA) “foi uma oportunidade para as partes se aproximarem e chegarem a um um acordo”. “As partes, no começo do movimento, estavam muito distantes".

 "O sindicato dos trabalhadores, incialmente, pedia 15%, depois passou para 10% e depois baixou para 7%. O patronal iniciou com 0% de contrapartida, evoluiu para 1%, para 3%, e depois para 3,73%. O MPT sentiu-se confortável, diante do contexto, para apresentar uma proposta que não apenas abraçasse o reajuste dos trabalhadores, mas tivesse uma contrapartida e uma segurança econômica para os patrões. 

Essa proposta representa um ganho real efetivo para os trabalhadores, não só repõe o INPC do período, mas apresenta um ganho real para os trabalhadores. É uma vitória num momento de crise econômica no país. Será um avanço aos direitos dos vigilantes”, avaliou o procurador. Ainda ao Bahia Notícias, Luís Carneiro disse que a discussão, ocorrida nas rodadas de negociação, “ultrapassou a discussão da jornada de trabalho, que poderia causar prejuízos a saúde e segurança do trabalhador”. “Essa discussão era um obstáculo praticamente instransponível e entramos na análise econômica das propostas”, pontuou. O acordo vai se tornar uma convenção coletiva da categoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário